SPCV no Programa Cientificamente Provável
Excerto.

A Sociedade Portuguesa de Ciências dos Videojogos apoiou, a 9 de fevereiro, o projeto PLAYMUTATION no âmbito da 5ª edição do Cientificamente Provável. Os órgãos sociais Liliana Costa – que se encontra envolvida na coordenação das atividades do Cientificamente Provável no centro de investigação DigiMedia – e Cláudia Ortet estiveram envolvidos não só na organização desta edição, mas também na dinamização da atividade PLAYMUTATION 2D que contou com 40 alunos do 12º ano e tinha como objetivo desenvolver jogos digitais para aprender sobre infeções virais, aprofundando competências em design e desenvolvimento de jogos, bem como educação na saúde.

Detalhadamente, a atividade contou com duas sessões, uma de manhã e outra de tarde, cada com uma turma de 20 alunos do 12º ano da Escola Secundária da Gafanha da Nazaré. As sessões iniciaram com a apresentação do jogo Mutation Madness e deu-se a oportunidade aos alunos de jogarem durante 15 minutos. Posteriormente fez-se uma contextualização da problemática onde se comunicou que havia vírus à solta no departamento e seria necessário recolher informações sobre os mesmos para construir uma versão do jogo em 2D. Após uma procura de pistas (estilo caça ao tesouro), os alunos recolheram informações suficientes relativamente à transmissão, prevenção e sintomas de 4 vírus (adenovírus, influenza, HIV e varicela). Tendo o conteúdo necessário para o desenvolvimento do jogo, através de um tutorial conseguiram não só construir, como também jogar o Mutation Madness 2D com foco nos vírus anteriormente mencionados. Vale a pena ressalvar que se usou uma estratégia gamificada ao longo de toda a atividade, onde se atribuía recompensas através de cromos com informações sobre infeções virais, e que no fim da construção e experiência de jogo, concluíram a caderneta (Fig.).

No âmbito do programa Cientificamente Provável, 95 alunos dos 9 aos 19 anos (5.º e 12.º ano), do Agrupamento de Escolas de Aveiro e da Escola Secundária da Gafanha da Nazaré, desenvolveram diversas atividades enquadradas em projetos de investigação DigiMedia (em curso ou concluídos) do Departamento de Comunicação e Arte da Universidade de Aveiro. 

Scroll to Top Sociedade Portuguesa de Ciências dos Videojogos

Sociedade Portuguesa de Ciências dos Videojogos

Maintenance

Senha perdida